Seguidores

quinta-feira, 15 de junho de 2017

O Mapa-Mundi após o "Suposto" Apocalipse que a Elite "Já Parece" Conhecer


Ultimamente, não sabemos porque razão, muito meios de comunicação considerados "sérios" insistem vez ou outra na ideia de que grande quantidade de multimilionários se preparam para um possível apocalipse.

Supomos que fazem isso por puro sensacionalismo e porque o "apocalipse vende."

A questão é que um recente artigo da revista Forbes chegou a publicar mapas pós-apocalípticos sobre como ficaria o mundo segundo as visões de um psíquico.

Curioso para uma publicação como a Forbes.


A elite multimilionária, especialmente a americana, investem cada vez mais dinheiro comprando terrenos em ilhas remotas ou construindo bunkers ou refúgios de luxo para resistir a grandes cataclismos.

A ideia foi tratada recentemente pelo The New Yorker em um artigo que mostra como os afortunados do Vale do Silício estão preparando-se para um eventual fim da civilização.

E o que é mais alarmante, é que esta preocupação não é apenas de uma pequena minoria. Reid Hoffman, co-fundador do LinkedIn, estima que mais da metade das elites afortunadas dos EUA estão preparando-se para garantir sua sobrevivência em caso de uma hecatombe mundial.

A natureza destes apocalipses tão temidos, nunca se torna clara, embora as opções mais temidas, são as possibilidades de uma guerra nuclear, as consequências de uma possível mudança climática, ou a possibilidade de que ocorra uma colisão de um asteroide ou um cometa contra a Terra.

O escritor Jim Dobson publicou uma reportagem na revista Forbes, na qual elabora um mapa do mundo pós-apocalíptico, segundo o qual, o local mais seguro do mundo, é a Nova Zelândia. O país seria o único do mundo que cresceria claramente em tamanho, tonando-se uma das áreas mais seguras da Terra.

A previsão de Dobson foi elaborada através das teorias de reconhecidos psíquicos, visionários metafísicos e videntes, como Gordon-Michael Scallion e Edgar Cayce, que já previram algo parecido a um fim do mundo.
Gordon-Michael Scallion

Scallion acredita que uma mudança nos polos magnéticos seria provocado pelo aquecimento global, atividade nuclear e o uso de indevido da tecnologia. Outro teórico e psíquico, Edgar Cayce previu uma mudança entre 16 e 20 graus, enquanto que Scallion previu uma mudança entre 20 e 45 graus. Cayce previu que quando entrarem em erupção de forma simultânea, tanto o Vulcão Etna na Itália como o Pelée em Martinica, no Caribe, somente teriam 90 dias para evacuar a costa oeste dos EUA, antes de que uma inundação massiva acabasse com a costa.
Edgar Cayce
Mas além das supostas visões de tais psíquicos, o fato é que parece que os territórios secos dos EUA como Montana, Novo México, Wyoming e Texas, são regiões muito populares para os indivíduos mais ricos, os quais possuem em tais estados grandes extensões de terra.

Os multimilionários como John Malone (atualmente o maior proprietário de terras nos EUA, o qual possui 2.200.000 acres incluindo Wyoming e o Colorado), Ted Turner (2.000.000 acres em Montana, Nebraska, Novo México e Dakota do Norte), Philip Anschultz (434.000 acres em Wyoming), Jeff Bezos (400.000 acres no Texas) e Stan Kroenke (225.162 acres em Montana) acumularam quantidades importantes de terras.
Inclusive um membro rico da igreja mórmon, David Hall, que supostamente tem planos para criar comunidades auto-sustentáveis em todo o país para 20.000 pessoas, incluindo a primeira delas em Vermont, com uma extensão de 900 acres.

A nível internacional, os magnatas da Austrália e Nova Zelândia têm obtido terras agrícolas em ritmo record. O interesse pelo gado e pelas granjas agrícolas são tentadores para a sobrevivência auto-sustentável.

Mas o mais importante, é que os ricos estão adquirindo refúgios seguros, armazenando bens em áreas secas e longe da velha escola de somente armazenar alimentos e água.

O dinheiro e os metais preciosos serão inúteis, uma vez que o território auto-sustentável tornar-se o novo luxo necessário. Muitos instalaram heliportos em suas propriedades para facilitar o acesso, e muitos estão comprando silos e bunkers em todo o mundo.

Mas o mais inquietante, é que suas previsões sobre os locais mais seguros após um apocalipse, coincide com o destino favorito dos multimilionários americanos: a Nova Zelândia.

Na verdade, somente em 2016, mais de 3.500 quilômetros quadrados de terreno do país passaram às mãos de cidadãos estrangeiros. No resto do mundo, segundo o mapa de Dobson, o cenário não é tão esperançoso.

Segundo estes visionários, nos EUA, o aumento da instabilidade da placa norte-americana dará lugar a criação de 150 ilhas na Califórnia e a Costa Oeste retrocederá ao leste. Por sua parte, os Grande Lagos e a via marítima de Saint Lawrence se unirão e continuarão seu curso pelo rio Mississippi até o Golfo do México. Além disso, todas as áreas desde o Maine à Flórida ficarão inundadas.
O aumento do nível do mar terá também consequências nefastas em algumas partes do noroeste do Canadá. No entanto, outras regiões como o Quebec, Ontário, Manitoba, Saskatchewan e Alberta, se tornarão em verdadeiros centros de sobrevivência, recebendo os migrantes que se deslocarão da Columbia Britânica e Alasca.

A mudança mais significativa ocorrerá na América Central, cujo território se verá reduzido a uma série de ilhas. Por sua parte, no México, a maioria das zonas costeiras ficarão também sob a água. Assim, a costa da Baixa Califórnia se tornará em uma série de ilhas e também desaparecerá grande parte da Península de Iucatã.

Na América do Sul ocorrerá um intenso terremoto, além de uma forte atividade vulcânica. Assim, amplas áreas do interior da Venezuela, Colômbia, Brasil, Equador, Peru, Bolívia, e Uruguai afundarão sob a água, e a Bacia do Amazonas se tornará em um imenso mar interior. Eles não serão os únicos, já que outra grande massa de água emergirá no centro da Argentina. Ele destaca também uma nova imensa massa terrestre que se unirá por terra ao Chile e Peru e que contará com outro novo mar interior.
Segundo o mapa de Dobson, a Europa experienciará as mudanças mais rápidas e mais graves da Terra. Assim, a maior parte dos países da Europa desaparecerão sob o mar e, na melhor das hipóteses, conservarão pequenos territórios como ilhas.
Em relação à Rússia, que abrange territórios tanto na Europa como na Ásia, se separará do resto dos países do Leste através de uma completamente novo, que surgirá da fusão do mares Cáspio, Negro, Kara e Báltico, e que se estenderá até o rio Amur, na Sibéria. Este amplo território, já situado na Ásia, se manterá seguro.
No resto da Ásia, uma região muito sísmica, sofrerá mudanças dramáticas, embora verá nascer novos territórios. Assim, o mar vai inundar grandes áreas de terra desde as Filipinas até o Japão e o norte do mar Bering, incluindo as ilhas Kuril e Sakhalin. Por sua vez, a região costeira da China será empurrada para o interior para centenas de quilômetros.
O continente africano ficará dividido em três partes completamente isoladas pelo mar. O Nilo se encherá significativamente e uma nova via fluvial dividirá o país, desde o Mar Mediterrâneo até o Gabão. Outra mudança significativa é que o Mar Vermelho irá aumentar, provocando que o Cairo desapareça. Ele destaca também que o Lago Vitória se fundirá com o Lago Nyasa e fluirá até o Oceano Índico.
Ao contrário do resto do mundo, a Antártida se tornará em um território fértil e rico em agricultura. Criarão novas terras desde a península Antártida até à Terra do Fogo, e desde o leste até à Ilha da Geórgia do Sul.

Mas evidentemente, tudo isto indicado aqui, não se baseia em nenhuma previsão científica, mas sim nas supostas visões de duas pessoas que apresentadas diante do mundo como visionários espirituais e videntes. Algo em que a elite acredita.

Mas como já vimos em outro artigo, os visionários, videntes e as pessoas religiosas não são as únicas que falam do assunto com insistência.

Insistimos na pergunta que fizemos outras vezes, Por que insistem tanto neste tema? Por que há tantas pessoas pensando nisso e inclusive desejando isso morbidamente? Para que se prepararam realmente estes milionários? Eles sabem de algo?

E com tudo isso, se realmente se aproxima um apocalipse predito pelos psíquicos e acreditado pelos milionários, quantos de nós têm dinheiro para comprar um terreno na Nova Zelândia?

Fonte

Sua partilha é muito importante e nos ajuda a continuar criando conteúdo. COMPARTILHE! Clica logo ali mais abaixo. Obrigado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO