Seguidores

terça-feira, 6 de junho de 2017

Este é o terrível fato sobre o Monte Everest que ninguém conta:


O Monte Everest é sem dúvida um local muito requisitado por aqueles que amam aventuras. Conhecido por ser o monte mais alto do mundo, o local atrai milhares de turistas por ano que buscam superar desafios e seus próprios limites.
Entretanto, desde 1921 existem histórias de pessoas que tentaram escalar o topo, sendo a primeira delas alcançada em 1953 por Edmund Hillary e Tenzing Norgay.
Mesmo que a ideia pareça muito divertida, existe um lado sombrio do Monte Everest que você nunca verá na televisão e que é incrivelmente assustador. Conheça:

O Monte tornou-se um depósito de lixo


Estima-se que 50 toneladas de resíduos, incluindo equipamentos de escalada, alimentos, corpos humanos e uma abundância de fezes humanas estejam espalhados no Everest.
A Eco Everest Expedition busca remover os detritos do local desde 2008 para resolver o problema, e já foi recolhido mais de 13 toneladas de resíduos até agora.
Artistas que trabalham no “8848 Art Project Everest” transformaram 8 toneladas do lixo, incluindo tendas quebradas e latas de cerveja, em 75 peças de arte.

O Monte permanece crescendo

Uma equipe de pesquisa descobriu em 1994 que Everest continua a crescer cerca de 4 milímetros a cada ano. O subcontinente indiano foi originalmente uma massa de terra independente que colidiu com a Ásia, formando o Himalaia, e as placas continentais ainda estão se movendo, empurrando as montanhas para cima.
Pesquisadores da American Millennium Expedition em 1999 colocaram um dispositivo de posicionamento global por satélite abaixo do cume para medir o crescimento. As conclusões mais precisas a partir da tecnologia moderna mostrou a altura oficial do Everest para 8.850 metros, enquanto o movimento geral parece ser ascendente.
O local é um verdadeiro cemitério congelado
Por ser o lar de inúmeras tragédias, o Everest se transformou de fato em um cemitério. Durante o ano de 2006, 8 030 pessoas tentaram alcançar o topo do monte porém 212 delas morreram no caminho. Dos integrantes que chegaram, 56% morreram depois de atingir o topo.
Em 1996, 19 pessoas tentaram chegar ao topo, dentre as quais estavam alpinistas famosos como Rob Hall e Scott Fischer. 8 deles morreram por conta de uma tempestade e o assunto gerou polêmica na mídia.
As autoridades possuem grande dificuldade em localizar os corpos e por conta disso o Everest se transformou em um cemitério congelado. Veja algumas imagens assustadoras:
Você teria coragem de visitar o local? [Listverse]
Sua partilha é muito importante e nos ajuda a continuar criando conteúdo. COMPARTILHE! Clica logo ali mais abaixo. Obrigado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO