Seguidores

domingo, 4 de junho de 2017

Cientistas muçulmanos chegam a conclusão de que a mulher é um mamífero, mas não é humana.



Riyadh | Em uma decisão sem precedentes, um painel de cientistas sauditas concluíram que as mulheres são mamíferos whos, concedendo-lhes os mesmos direitos que outras espécies de mamíferos, como camelos, dromedários e até cabras.
O veredicto, poucas horas antes caiu Que o Dia Internacional da Mulher, é considerada "histórica" por alguns especialistas e grupos de defesa dos direitos das mulheres.
"Este é um grande salto em frente para os direitos das mulheres na Arábia Saudita", conclui Jane Austen, porta-voz da Libertação Rede de Ação das Mulheres. "Pode parecer muito pouco, tarde demais, mas é verdadeiramente um evento marcante para todas as mulheres da região", diz ela, visivelmente animado. "De agora em diante, as mulheres serão considerados como membros da classe mamífero, Considerando que, antes mulheres compartilharam o estatuto jurídico de um objeto, semelhante ao de um aparelho em casa", ela admite.



"objetos sem alma"

O veredicto recentes, podem completamente perturbado todas as leis impostas na Arábia Saudita Atualmente Considera Jillian Birch, porta-voz da Anistia Internacional.

"Este veredicto mostra o incrível progresso movimento pelos direitos das mulheres tem feito nos últimos 50 anos", ela admitiu em conferência de imprensa esta manhã. "Finalmente, as mulheres deixarão de ser considerados simplesmente como objetos sem alma, mas como mamíferos de pleno direito, com os mesmos direitos que os outros animais de sua espécie: como camelos e cabras," ela disse, visivelmente emocionado. "As mulheres ainda estão longe de ser 100% humano considerado, mas sua condição vai melhorar aumentar drasticamente com esta decisão", ela acredita firmemente.

Um veredicto sem precedentes

O veredicto, que caiu como uma tonelada de tijolos sobre o estado saudita, não encontrou unânime Cleary apoio entre os religiosos e as autoridades elite política concede especialistas.

"Isso poderia criar turbulência significativa no estado legal atual de negócios e do sistema judiciário da Arábia Saudita", diz o analista político especializado em Oriente Médio, Anthony Bochstein. "Se antes as mulheres tinham os mesmos direitos que uma cadeira ou uma mesa e foram vistos mais individualmente como propriedade, agora eles têm um estatuto equivalente aos animais Certas espécies, e, portanto, devem receber, no mínimo, o abastecimento e ser conferidos ao mínimo de atenção e respeito, o que não foi o caso anteriormente, "Eu Explica.

, De acordo com o painel de especialistas que governou sobre o assunto, as mulheres ainda são desprovidos de uma alma, mas têm demonstrado possuir qualidades comuns às espécies de mamíferos, o que explicaria sua capacidade de procriar e amamentar, bem como por que eles estão equipados com sete vértebras cervicais, uma característica única para as espécies de mamíferos.


Texto original

Riyadh | In an unprecedented ruling, a panel of Saudi scientists has concluded that women are actually mammals, granting them the same rights as other mammal species such as camels, dromedaries and even goats.


The verdict, which fell just hours before the International Women’s Day, is considered “historic” by some experts and advocacy groups for women’s rights.

“This is a great leap forward for women’s rights in Saudi Arabia,” concludes Jane Austin, spokeswoman for the Women’s Liberation Action Network. “It may seem too little, too late, but it is truly a milestone event for all women in the region,” she says, visibly excited. “From now on, women will be considered as members of the mammal class, whereas before women shared the legal status of an object, similar to that of a home appliance,” she admits.
“Soulless objects”
The recent verdict could completely upset all laws currently enforced in Saudi Arabia believes Jillian Birch, spokeswoman at Amnesty International.
“This verdict shows the incredible progress the women’s rights movement has made in the past 50 years,” she admitted in a press conference this morning. “Finally, women will no longer be simply considered as objects without souls, but as full-fledged mammals, with the same rights as other animals of their species such as camels and goats,” she said, visibly emotional. “Women are still far from being considered 100% human, but their condition will improve drastically with this decision,” she firmly believes.
An unprecedented verdict
The verdict, which fell like a ton of bricks on the Saudi state, has clearly not found unanimous support amongst religious authorities and the political elite, concede experts.
“It could create significant turmoil in the current legal state of affairs and the judiciary system of Saudi Arabia,” says political analyst specialized in the Middle East, Anthony Bochstein. “If before women had the same rights as a chair or a table and were seen more as individual property, they now have an equivalent status to certain animal species, and thus must receive, at the very least, feeding, watering and be conferred a minimum of attention and respect, which was not the case previously,” he explains.
According to the expert panel that ruled on the matter, women are still devoid of a soul but have been shown to possess qualities common to the mammal species, which would explain their ability to procreate and breastfeed, as well as why they are equipped with seven cervical vertebrae, a characteristic unique to the mammal species.

floyte http://worldnewsdailyreport.com/saudi-arabia-panel-of-scientists-admits-women-are-mammals-yet-not-human/
Sua partilha é muito importante e nos ajuda a continuar criando conteúdo. COMPARTILHE! Clica logo ali mais abaixo. Obrigado!

3 comentários:

  1. Credoooooo essa matéria e nogenta . Ainda bem que sou brasileira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LOOOOOOL sim porque no seu país nem matam na rua e queimam quem rouba chocolates e homosexuais sao bruxas e bruxas sao demonio e politicos todos capitilizados
      matam por 10 reais em sao paulo
      país com maior perentagem de prisioneiros e o unico que tende aumentar
      realmente ser brasileiro é um luxo

      Excluir
  2. Fake news. Notícia falsa, dois cliques para verificar. Que papelão sr. editor da página, não tem vergonha?

    ResponderExcluir

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO