Seguidores

sábado, 27 de maio de 2017

Verme que devora plástico pode ter a resposta para um grande problema ambiental


Enzimas presentes na traça-da-cera podem acelerar a decomposição do material! 


As traças-da-cera são uma espécie bastante conhecida. Mas recentemente a cientista Federica Bertochini, do Instituto de Biomedicina e Biotecnologia da Cantábria, na Espanha, descobriu características até então desconhecidas dessas pequenas criaturas. 

Tudo aconteceu quando as traças que ela havia deixado em uma bolsa de plástico conseguiram escapar devorando o material. Os pesquisadores realizaram, então, um experimento para comprovar se os vermes haviam realmente comido o plástico ou teriam rasgado para se libertar.

O teste revelou que, após 14 horas, 13% do plástico havia desaparecido na boca dos insetos. Ao analisar os pedaços mastigados, os cientistas descobriram, com surpresa, que estes continham etilenoglicol, um composto utilizado como anticongelante. 


O plástico leva de 100 a 400 anos para se decompor na natureza. Embora a descoberta ainda esteja longe de ser a solução para acabar com os resíduos plásticos, os cientistas afirmam que, se conseguirem encontrar as enzimas utilizadas pelas larvas para decompor o material, eles poderão produzir essas moléculas em grande escala, em vez de usar milhares de vermes por cada bolsa de plástico. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO