Seguidores

domingo, 16 de abril de 2017

O que esse fazendeiro viu através desse túnel descoberto 1835 surpreendeu o mundo inteiro

A história está cheia de mistérios que nos fascinam. As pirâmides egípcias, Atlântida, o farol e a Biblioteca de Alexandria, os Jardins Suspensos da Babilônia, Stonehenge ou o tesouro dos Templários… enfim, são inúmeros locais, fora outros que desapareceram para sempre, ou talvez nunca existiram. Arqueólogos e cientistas têm trabalhado por décadas para desvendar alguns desses mistérios do mundo que despertam forte interesse público.

Você certamente conhece os exemplos citados acima, mas você já ouviu falar da cidade de Margate, no Reino Unido? E a Caverna das Conchas encontrada por lá? Não? É exatamente isso o que um fazendeiro viu através desse túnel descoberto 1835 surpreendeu o mundo inteiro.
Margate é uma cidade portuária localizada em Kent, Inglaterra. Não é realmente conhecida, mas fez história 182 anos atrás, quando James e seu filho Joshua Newlove descobriram uma caverna que iria surpreender cientistas e historiadores do mundo todo.
A história conta que James Newlove e seu filho estavam cavando em suas terras para fazer uma lagoa para seus patos. De repente, o chão desabou ao seu redor e… Eureca!
Eles decidiram examinar cuidadosamente este buraco gigante que se formou e Josué desceu com uma corda e uma tocha, fornecidas pelo seu pai. Desde os primeiros segundos, ele estava em total deslumbre com o que viu. A caverna era gigante e as paredes do túnel estavam cobertas com milhões de conchas que se formaram por razões bem estranhas.

Eles descobriram a chamada Caverna das Conchas, que contém mais de 4,5 milhões de conchas do mar dispostas harmonicamente. Há conchas de ostras, mexilhões, entre outros formando imensos mosaicos no túnel inteiro.
O corredor subterrâneo mede cerca de 2,5 metros de altura e 20 metros de largura e se abre em um pedaço retangular que foi nomeado de “altar”.

Várias teorias têm sido elaboradas para explicar a presença desta caverna impressionante nesta cidade. Uma delas é que o túnel é um calendário astronômico construído pelos maçons.

A caverna, e o mistério que a rodeia, rapidamente gerou interesse mundial. Alguns estavam convencidos de que era um túnel usado para contrabando, outros disseram que era a marca de uma seita secreta e outros viram a caverna similar a um antigo templo.

Até hoje, ninguém pode dizer que realmente sabe a origem deste lugar fascinante. A caverna está relativamente longe da costa, por isso parece questionável se é um lugar de contrabando. Na verdade, seria um local pouco estratégico para contrabando e a polêmica se instaura no fato dela estar perfeitamente escondida, sendo desconhecida pela história e pelos moradores.

Pesquisadores estudaram cuidadosamente as plantas da cidade e arquivos, mas nenhum relato de um túnel foi encontrado, apesar de claramente o complexo não poder passar por despercebido devido seu tamanho.

James Newlove rapidamente percebeu que esta descoberta seria boa para humanidade  – e também para seu bolso – e a revelou  em 1838. Hoje o local é aberto aos visitantes e também inclui uma loja de presentes e até mesmo uma espécie de “cafeteria”.

Muitas pessoas são atraídas pelo mistério e a arquitetura fascinante da caverna, ao mesmo passo que trabalhos de restauro são continuamente desenvolvidos a fim de preservar a magnanimidade do local. [Incroyable]
Fonte


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO