Seguidores

sábado, 18 de março de 2017

Objeto capturado pelas câmeras a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) pode ser a prova final de satélites de origem desconhecida monitorando a Terra


Um vídeo filmado pelas câmeras a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) poderia finalmente provar que estamos sendo observados por vida extraterrestre inteligente. No vídeo, você pode distinguir uma estranha formação que muitos asseguram ser uma espaçonave alienígena...

Mesmo que a imagem em si não seja cristalina, entusiastas do fenomeno OVNI argumentam que podemos ver claramente a forma de uma nave, que segundo muitos se trata do famoso Satélite Black Knight.

O enigmático veículo alienígena criou um grande zumbido nos últimos dois anos.

Ao longo dos anos - especialmente desde que a ISS tem seu 'feed ao vivo' instalado - o Satélite Black Knight, e inúmeros outros objetos possivelmente de origem alienígena foram identificados por milhões de pessoas ao redor do globo (e isso vem acontecendo com muita frequência).

Este novo vídeo, carregado pelo Streetcap1 mostra claramente um veículo enigmático diferente de tudo que já foi observado no espaço...

Na verdade, o formato do objeto misterioso não se assemelha com nada criado na Terra lançado ao espaço.. Até mesmo sua orbita é estranha !!

Caçadores de OVNIs argumentam que não há painéis solares ligados ao corpo principal, o que levou muitos a concluir que ele deve empregar e confiar em um sistema de propulsão desconhecido.

A NASA não fala muito sobre os supostos avistamentos de OVNIs, mas quando isso acontece, a 'Agência Espacial Americana' geralmente concorda que a maioria dos OVNIs são sombras, luzes da Estação Espacial Internacional e fragmentos espaciais. Porem muitos não concordam com as explicações...




Os proprios astronautas reportam os objetos misteriosos ao redor do nosso planeta

O astronauta Gordon Cooper, que foi para uma missão ao redor da Terra no ano de 1963 também diz ter visto um objeto misterioso verde brilhante na frente de sua capsula, e até a estação de rastreamento Muchea, na Austrália foi capaz de captar o objeto no radar, o qual viajava em uma órbita de leste para o oeste.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO