Seguidores

sexta-feira, 31 de março de 2017

Nível de radiação aumenta misteriosamente em alguns países europeus

Suspeitas recaem sobre testes nucleares secretos na Rússia. 

O primeiro país a detectar um aumento no nível de radiação foi a Noruega. Depois seguiram-se Finlândia, França, Polônia, Alemanha, República Tcheca e Espanha. Todos registraram um crescimento moderado do isótopo radioativo conhecido como iodo-131 na atmosfera terrestre.

O iodo-131 é um elemento químico radioativo e nocivo para a saúde humana. Ele costuma aparecer após testes ou acidentes nucleares. Porém, nesse caso,  não representou  perigo por ter se tratado de uma quantidade muito reduzida dessa substância, e devido também à sua breve permanência no ar (o elemento se desintegra depois de 8 dias).

Rapidamente, alguns meios de comunicação acusaram a Rússia como a causadora desse fenômeno misterioso, pelo fato de terem testado secretamente uma arma nuclear no arquipélago de Nova Zembla, a noroeste do país. Mas essas teorias foram refutadas depois da confirmação de que não foi registrada nenhuma atividade sísmica na região e que outros isótopos, que costumam ser liberados na atmosfera em testes nucleares desse tipo, não estavam presentes.

Fonte: The Daily Star
Imagem: Shutterstock

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO