Seguidores

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Padre italiano é acusado de fazer orgias na igreja e agenciar mulheres


Andrea Contin, de 48 anos, teve vídeos e brinquedos sexuais apreendidos


Andrea Contin foi denunciado por três paroquianas e teve vídeos e brinquedos sexuais apreendidos pela polícia da Itália

O padre católico, Andrea Contin, de 48 anos, está no centro de uma polêmica que envolve orgias e vídeos de sexo. O sacerdote está sendo acusado de agenciar mulheres dentro da igreja de San Lazzaro, pela qual era responsável. De acordo com a imprensa local, Contin viveria de "ganhos imorais e de violência psicológica sobre seus paroquianos".

A denúncia partiu de três mulheres que frequentavam a igreja. Elas entregaram ao Ministério Público do país brinquedos sexuais e vídeos que mostrariam orgias organizadas nas instalações da paróquia. Os vídeos estavam escondidos dentro de capas de cassetes com nomes de papas famosos. 



Além das fitas, o padre também é acusado de agenciar paroquianas para sites de vídeos pornográficos. As investigações estão em curso, mas o padre ainda não foi preso.
Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO